Padre Marcelo Rossi
 
Formações anteriores

 

 

Ansiedade

 

Esta semana o Padre irá rezar contra a ansiedade então vamos dar uma dica de um bom livro sobre o tema:

 

No livro "Ansiedade: Como Enfrentar o Mal do Século", Augusto Cury relata sobre o quão prejudicial este sentimento é a nossa saúde emocional. Segundo ele, apesar de todos os avanços tecnológicos que temos a nossa disposição, nunca vivemos tão ansiosos, estressados e sem controle emocional. Segundo ele, cada vez mais temos dificuldades em focar nossa atenção, devido aos inúmeros estímulos que recebemos diariamente, sejam eles visuais, auditivos ou táteis. Isso faz com que fiquemos cada vez mais cansados, menos produtivos, estressados e consequentemente sem qualidade de vida.

Augusto Cury diz que se você acorda cansado, tem dificuldades em lidar com pessoas mais lentas ou tranquilas, tem constantemente dores musculares e de cabeça sem uma razão aparente, é bem provável que esteja sofrendo pelo excesso de ansiedade. Como ele mesmo utiliza no título do livro, a ansiedade pode ser considerada o mal do século.

Uma pessoa ansiosa não consegue relaxar, não vê as coisas simples e belas que dão sentido a nossa existência. Por isso, cada vez mais as pessoas tem de buscar combater este tipo de sentimento de seu dia a dia, a fim de ter uma vida muito mais tranquila e principalmente feliz. Além disso, o autor aponta para o fato de muitas crianças já estarem estressadas e ansiosas na mais tenra idade. Isso tudo só mostra o quão doentia nossa vida e a nossa sociedade vem ficando. Mas isto não é um cenário que seja imutável. Nós podemos, através de diversas técnicas e principalmente da busca pelo autoconhecimento, evitar este tipo de situação.

O primeiro passo para qualquer pessoa combater a ansiedade é combater a causa da grande maioria dos problemas emocionais e psicológicos, a síndrome do pensamento acelerado (SPA). O autor defende que precisamos buscar o total controle de nossos pensamentos para conseguir de fato vivermos de maneira saudável e feliz. Exercícios físicos, meditação e oração são necessários à qualquer pessoa para obter o total controle de seus pensamentos, que desencadeiam as emoções. Desta forma, ao controlar os pensamentos, controlamos as emoções. 

Augusto Cury destaca em toda a sua obra o quão valioso pode ser o bom gerenciamento das emoções, para a vida como um todo, tanto pessoal como profissional, afinal elas são indissociáveis. Todos estes conceitos apresentados são baseados em anos de experiência do autor em pesquisas, atendimentos e vivencias.

No começo a leitura é mais demoradinha, o autor basicamente apresenta a SPA e alguns termos. Mas essa parte é fundamental para conseguir assimilar os termos quando ele começa a explicar como funciona a formação do nosso pensamento, por exemplo. Depois a leitura flui. O livro não torna ninguém uma pessoa tranquila da noite para o dia, mas faz a gente refletir sobre os nossos pensamentos e sobre a nossa mente, pois a gente passa a entender como o pensamento é formado e a importância de se ter controle da mente.

 

 

Sobre o autor

Augusto Cury é um  medico psiquiatra, pesquisador, escritor, conferencista que desenvolveu uma das teorias mais densas sobre o processo de formação dos pensamentos, a teoria multifocal e autor de uma densa coleção de livros, todas com o foco na melhora da saúde emocional das pessoas, que segundo o autor é constantemente deixada de lado para fatores mais mensuráveis. Ele defende que devemos ser atores protagonistas de nossa história e não apenas expectadores. Com um legião de fãs no mundo todo e mais de 20 milhões de livros vendidos, Augusto Cury é sem sombra de dúvidas um dos mais respeitados escritores do Brasil, com fama e renomes internacionais.

Imprimir
Voltar
Clique aqui e envie a sua Sugestão